Criado com Wix.com

  • Facebook Clean Grey
  • Instagram Clean Grey

Conhecendo um pouco do Vale Sagrado dos Incas

March 9, 2019

Depois de passarmos pelo Salar de Uyuni na Bolívia, saímos de La Paz e fomos a Cusco, no Peru. Peru foi o país que mais gostei de conhecer - desses três que estivemos. É um lugar de uma cultura tão forte e tão pura que nos inspira a respeitar uns aos outros e principalmente a sermos gratos à natureza. Nesse post conto sobre a agência que escolhemos para fazer os passeios, quais foram e no final coloco o valor do tour completo pelo Vale Sagrado dos Incas.

    Vou começar mostrando esse roteiro pelo 3° dia em Cusco, pois o 1° e o 2° foram em Águas Calientes e Machu Picchu, post que vai sair depois desse, logo logo. Colocamos Machu Picchu logo quando chegamos, pois os planos do meu namorado mudaram e ele voltou antes para o Brasil (mimimi), então fomos à cidade perdida logo no início, pois o voo dele de volta era cedo no 3° dia, sendo que a partir dai seria eu e euzinha. 

   Vale ressaltar que a agência que contratamos, desde o início nos deu suporte quanto a essas nossas alterações de roteiros e datas, por isso não me arrependo em nada por tê-la contratado. Também quero dizer que fiz o orçamento todinho como se fossemos contratar tudo individual e por conta e realmente a contratação de uma agência que nos deu assessoria em tudo ajudou muito e valeu super a pena, sendo que nem deu diferença de valores. A agência foi a Cusco Mágico Viajes y Turismo.

 

   3° DIA: Tive a manhã livre para andar por Cusco e conhecer um pouco da Plaza de Armas. Às 1h10 a agência me pegou para fazermos, em um dia, o que muitos fazem em dois ou mais: visitamos a Catedral (um absurdo de linda), conhecemos o Templo do Sol - Qoricancha, depois nos afastamos um pouco e fomos a Sacsayhuaman (muita história e explicações sobre as construções antigas), Qenqo, depois nos afastamos mais e fomos a Puca Pucara e finalizamos início da noite em Tambomachay.

4° DIA: Nesse dia acordei super cedo, pois entre 4h e 4h30 da manhã a agência passou no hotel me pegar para o passeio do dia: Laguna Humantay. Até o ponto de início da caminhada, levamos 1h30 de van, sendo que paramos para café da manhã em uma pousadinha da região. A caminhada até a Laguna levou umas 2h00, foi cansativo pra caramba, mas é um lugar SURREAL!!! Sério! Nosso guia nos deixou a vontade o caminho todo para cada um seguir seu ritmo (inclusive há cavalos que podem levar até o topo mas, além de ser pago, dá muita dó né haha), e só nos reuniu em frente a laguna para explicações e contar a história da lagoa - teve até musiquinha de fundo e na hora avistamos um Condor voando no topo da montanha, ave andina gigantesca e mega difícil de ser avistada, o que o guia nos disse ser um privilégio. Nosso grupo - Hakuna Matata- era super legal e conheci duas meninas queridas de Portugal. Na volta, paramos para o almoço na mesma pousada do café e seguimos viagem de volta a Cusco, cheguei no hotel era umas 18h30.

 

 

 5° DIA: Entre 06h30 e 7h a agência me pegou no hotel para irmos a Chinchero, cidade conhecida pela sua arte têxtil. Foi incrível ver como aquelas mulheres fazem artesanato com produtos naturais. Tivemos uma pequena demonstração de como elas tiram as cores de fungos e plantas (eu fiquei de carããã)!! Além das cores, nos contaram como lavam roupas e explicaram o motivo delas terem aquele cabelo preto e mega hidratado. Saindo do artesanato, ainda em Chinchero, fomos conhecer as ruínas da cidade e a igreja mais incrível que estive, de 1607!!! :0

   Saímos de lá e fomos conhecer as Salineras de Maras e gente, é de ficar pasmo com aquelas piscinas de sal. Uma explicação bem grosseira de como funciona: de dentro de uma montanha desce água salgada, como as piscinas estão distribuídas morro abaixo, a água vai descendo gradativamente, evapora e fica somente o sal, o qual eles colhem para comercialização. Depois passamos por Moray, onde foi explicado como eram as plantações dos Incas.

  De lá, fomos a Urubamba, onde almoçamos em um hotel. Após o almoço fomos conhecer Ollantaytambo, um sítio arqueológico muito legal e também cheio de histórias e mitos (acho que verdades) do antigo povo Inca. 

    Finalizamos o passeio indo a Pisaq e o que mais me chamou a atenção foi o cemitério Inca: eles faziam buracos no morro para colocar os corpos, vimos somente de longe, mas pela câmera nossa guia aproximou e nos mostrou um crânio kkkkkk nos olhando lá do morro, sinistro.

    Chegamos a Cusco umas 19h, tomei um banho e parti pra Plaza de Armas para fazer uma tattoo que marcaria minha viagem pela América do Sul. Escrevi na nuca "Sumaq Tiakui", traduzido pelo meu guia de Humantay: "alegria de viver" em Quéchua, a língua dos Incas.

 No outro dia a agência me pegou cedo no hotel para me levar ao aeroporto, de lá peguei o voo até Lima, onde seria minha base para ir a Huaraz, que é assunto para os próximos posts... hehe 

 

Sobre a agência e valores:

Como já falei, a agência foi maravilhosa em tudo. Escolhi a linha mais barata deles e mesmo assim fiquei em um hotel bem localizado e ótimo - Killa House!!! No valor estava TUDO incluso, desde ingresso turístico, entradas por fora, ingresso Machu Picchu, translados, hoteis, passagens de trens... TUDO!! Só gastei com comida fora dos passeios. 

O pacote que fechei, maio 2018, custou US$ 530,00, dei uma entrada pela Western Union e o restante acertei na hora. VALEU SUPER A PENA!!!

 

Espero que tenham gostado, qualquer dúvida que eu possa ajudar me mandem e-mail e tem alguns (muitos) posts la no meu insta @mariahhrodrigues. Segue lá!

 

Um beijo, 

Mariah

 

 

 

 

Please reload